Baleia jubarte – Curiosidades e Características – Mamíferos marinhos

baleia-jubarte

A baleia jubarte é um dos mamíferos marinhos mais bem distribuídos pelos oceanos. Nesse artigo você aprenderá as curiosidades e características desse cetáceo em um resumo completo.

Características da baleia jubarte

A baleia jubarte ou gubarte (Megaptera novaeangliae), também chamado baleia-de-giba, mede cerca de 15 m de comprimento e pesa cerca de 30 toneladas.

Reconhece-se por sua forma retacada, dorso nitidamente convexo e longas nadadeiras peitorais cujo tamanho representa mais ou menos um terço do corpo e que apresenta, assim como a cabeça do animal, uma série de nodosidades e protuberâncias irregulares.

O número de sulcos da garganta, muito menos considerável que na baleia-azul, varia entre 10 e 25. O animal mostra-se geralmente de um negro profundo, bastante uniforme em cima do corpo, e esbranquiçado embaixo.

Habitat da baleia jubarte

Este é o Cetáceo mais encontradiço nos mares do globo porque vive tanto em alto mar como perto das costas, em águas profundas e em baías mais rasas, em migrações periódicas regulares.

No hemisfério sul ele sai, no outono, dos mares austrais, para subir ao longo das costas ocidental e oriental da África, respectivamente até o Congo e Madagáscar. Mais a leste, atinge as costas da Austrália e Nova Zelândia. No Atlântico frequenta também toda a costa do Brasil, para na primavera voltar ao oceano Antártico.

curiosidades-baleia-jubarte-saltando

No hemisfério norte as migrações são bem conhecidas. No verão procura as águas frias sempre perseguido pelos baleeiros e no inverno vai para as zonas quentes e, provavelmente, os espécimes de um hemisfério nunca se encontram com os do outro. Nada lentamente e salta fora d’água, deixando aparecer sua nadadeira caudal.

Alimentação

No verão, a baleia jubarte alimenta-se da reserva de gordura de seu organismo, adquirida no inverno. Assim como a baleia azul, alimenta-se principalmente de pequenos animais invertebrados como o krill, podendo eventualmente alternar seu cardápio para peixes de porte pequeno.

Reprodução da baleia jubarte

Esses mamíferos marinhos costumam acasalar num espaço de tempo de cerca de dois anos e meio em média, com os maiores números de nascimentos entre os meses de janeiro e fevereiro na região do hemisfério norte e entre agosto e setembro no sul.

Não se sabe com precisão o tempo de gestação, mas acredita-se que não exceda 12 meses, O baleote nasce pela cauda, medindo cerca de 4 metros de comprimento e pesando 1.300 kg.

Curiosidades da baleia jubarte

Os únicos predadores naturais da baleia jubarte (não considerando o homem) são os tubarões de grande porte (geralmente o grande tubarão brando).

As baleia jubarte possuem uma pela fina para um mamífero de seu porte, com cerca de 1 centímetro de espessura. Abaixo dessa capa, pode-se encontrar uma generosa camada de gordura, a qual o animal utiliza como uma reserva de energia, além de servir como uma espécie de proteção térmica.

Essa espécie de baleia vive em média de 45 anos de idade. Nadam em grupos pouco numerosos e geralmente criam um vínculo longo com outra baleia jubarte, em sua maioria, na relação entre mãe e filhote, ou mesmo parceiros.

Gostou desse resumo sobre a baleia jubarte? Compartilhe!